Segundo encontro de História, Teoria e Crítica da Arte recebe Deri Andrade

 

Segundo encontro de História, Teoria e Crítica da Arte recebe Deri Andrade

 

O Museu de Arte do Rio Grande do Sul (MARGS), instituição vinculada à Secretaria de Estado da Cultura (Sedac), dá seguimento, nesta quinta-feira, 01.07.2021, às 19h, a 4a edição dos “Encontros de História, Teoria e Crítica da Arte”, que terão como tema “Racialização e arte no Brasil”. Com mediação do pesquisador e professor Igor Simões (UERGS), o evento será transmitido pelo YouTube do MARGS e contará com interpretação simultânea de libras.

O segundo encontro contará com a participação do pesquisador, jornalista e curador Deri Andrade, que apresentará o Projeto Afro (https://projetoafro.com/). O Projeto Afro é uma plataforma afro-brasileira de mapeamento e difusão de artistas negros/as/es. O projeto deseja ampliar e visibilizar a produção artística de autoria negra no Brasil, apresentando sua multiplicidade, seus inter-relacionamentos e sua abrangência. Um espaço de descoberta e ressignificação. A iniciativa se entende como um manifesto em defesa da igualdade racial, quando observados os dados sociais que ainda mostram o negro à margem do processo social. O Projeto Afro expressa o protagonismo negro para além dos limites territoriais, refletindo sobre os processos históricos hegemônicos que validaram o sistema de arte no país. O projeto propõe um novo olhar para as narrativas a partir da colaboração e da troca. Fruto de uma pesquisa que compreende mais de três anos – e que segue em curso –, o conteúdo reunido convida cada visitante a navegar por diferentes aspectos dessa produção: mapa interativo, perfis de artistas, artigos colaborativos e entrevistas, escritos acadêmicos, sugestões de eventos. Toda uma pesquisa sistematizada em um local dedicado à expressão.

 

A transmissão será pelo canal do MARGS no YouTube, (https://www.youtube.com/watch?v=c3aStiAeXEs) aberta ao público e ficará salva para visualização posterior. O formulário de inscrição se destina apenas a quem pretende participar nas quatro datas e quer receber certificado, totalizando uma carga horária de 8 horas. A certificação digital será concedida pela UERGS para quem fizer inscrição e obtiver 75% de presença.

 

Em sua 4a Edição, no ano de 2021, a atividade quer discutir a presença negra na escrita da história da arte no Brasil, desde o lugar de pesquisa, crítica e curadoria. O projeto se estenderá pelos dias 01.07, 08.07 e 15.07, sempre com duas horas de duração, pelo canal do MARGS no YouTube. Cada reunião contará com a presença de um nome referência sobre o tema nas artes visuais no Brasil, que destacarão conhecimentos que urgem por visibilidade em uma sociedade estruturalmente marcada pelo racismo. O ciclo de palestras e debates tem como principal objetivo promover espaços que permitam discutir a história da arte desde um ponto de vista da mobilidade, tendo como pauta assuntos que, além de emergentes, são urgentes nas apreensões contemporâneas do tema.

 

Os encontros darão continuidade aos eventos do Programa Público “Presença Negra no MARGS”, que, desde o dia 10.06.2021, conta ações nas redes sociais do MARGS, além de uma live e uma conferência de abertura, disponíveis no canal do YouTube do MARGS.

 

Deri Andrade, alagoano radicado em São Paulo, é pesquisador, jornalista e curador independente. Mestrando em Estética e História da Arte (Programa de Pós-Graduação Interunidades em Estética e História da Arte da Universidade de São Paulo), especialista em Cultura, Educação e Relações Étnico-raciais (CELACC – Centro de Estudos Latino Americanos sobre Cultura e Comunicação USP) e formado em Comunicação Social: Habilitação em Jornalismo (Centro Universitário Tiradentes – Unit).
Interessa-se pelo conceito de arte afro-brasileira, investigando a correlação entre conteúdo e forma presente nas poéticas de artistas negros/as/es. Desenvolveu a plataforma Projeto Afro, resultado de um mapeamento de artistas negros/as/es em âmbito nacional, por entender que a arte é um importante instrumento catalisador na luta antirracista. Tem passagens por instituições culturais, entre elas o Museu de Arte Moderna de São Paulo (atualmente), a Unibes Cultural e o Instituto Brincante.

 

SERVIÇO

2o Encontro de História, Teoria e Crítica da Arte — Com Deri Andrade “Projeto Afro”
Quando: 01.07, às 19h
Onde: YouTube do MARGS (https://www.youtube.com/watch?v=c3aStiAeXEs)
Inscrições: https://forms.gle/LJ9jhYaHBB1nyjL79

Compartilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn