Sobre o Evento

Projeto Mini Cine traz seleção de curtas-metragens sobre as mudanças climáticas e orgânicas do planeta

 

Com curadoria da LORA, a mostra virtual reúne cinco filmes que podem ser assistidos gratuitamente. As obras serão debatidas em live no Instagram do Instituto Ling nesta sexta-feira, dia 26 de março, às 19h, com participação da curadora de cinema Manu Fetter e da paleobotânica Cristine Trevisan, que falará diretamente da Antártida

 

O projeto Mini Cine traz neste mês uma seleção de cinco curtas-metragens independentes, curados pela LORA, que refletem sobre os ciclos elementares da vida, seus fluxos e tempos, assim como as mudanças climáticas e orgânicas do nosso planeta. Os filmes podem ser assistidos remotamente até o dia 8 de abril, a partir da inscrição gratuita no site www.institutoling.org.br, e serão debatidos em live realizada nesta sexta-feira, dia 26 de março, às 19h, no Instagram do Instituto Ling (@instituto.ling). O bate-papo virtual terá participação da curadora de cinema Manu Fetter e da Dra. Cristine Trevisan, paleobotânica e pesquisadora que participará do encontro diretamente do Instituto Antártico Chileno, em Punta Arenas, no Chile, onde trabalha atualmente.

 

A mostra cinematográfica começa com Pursuit (2019), filme de Mike Olbinski, um caçador de tempestades que encontrou narrativas e histórias no movimento das nuvens, e depois segue com Elemental (2018), de Armand Dijcks, que mostra o trabalho do fotógrafo Ray Collins ao capturar a interseção da água e da luz. A curadoria ainda inclui um sobrevoo na esfera terrestre com Earth (2012), de Michael König; um poema visual sobre a viagem de um pensamento em Hope (2018), de Max Cooper; além de Symmetry (2011), um filme de Daniel Mercadante sobre o equilíbrio.

 

“Os filmes são obras experimentais, e este tipo de produção nos traduz uma experiência estética que tem o objetivo de despertar a reflexão em detrimento da ação. Isso significa que, quando assistimos a uma obra dessas, nos aproximamos do processo de manifestação daquela expressão e somos convidados a nos posicionar como espectadores ativos. E os espectadores ativos são críticos, observadores e, principalmente, conectores de mundos e conhecimentos. Abram espaço para experimentar e experienciar estes filmes”, convida a curadora da LORA, Manu Fetter.

 

Desde o início da pandemia, o Mini Cine tem selecionado curtas-metragens independentes nacionais e internacionais, agrupados a partir de diferentes temas, para que o público possa desfrutar em casa. A programação tem realização do Instituto Ling e Ministério do Turismo / Governo Federal, com patrocínio de Crown Embalagens e Fitesa.

 

Sobre a LORA
Atuando como uma empresa de curadoria e experiência de cinema independente, a Lora busca promover o acesso a produções alternativas estrangeiras e nacionais, expondo diferentes histórias e temas a crítica e aprendizado através da expressão audiovisual. A proposta central é expandir a exibição cinematográfica para novos ambientes, ressignificando a experiência do espectador e apresentando uma nova perspectiva de imersão contextual pela janela da tela. Com mais de 25 exibições em ruas, museus, institutos culturais, galerias e escolas, a Lora alinha curadoria a experiência para transcender a percepção cinematográfica.

 

Sobra a Dra. Cristine Trevisan
É graduada em Ciências Biológicas e tem mestrado e doutourado em Geologia Sedimentar, todos pela Unisinos. Suas linhas de pesquisa são Paleobotânica, Paleoclima, Paleoambiente, Paleoecologia e Paleobiogeografia. Tem experiência principalmente em taxonomia e sistemática relacionada a Pteridófitas modernas e fósseis. Atualmente, desenvolve pesquisas com a Paleoflora Meso-Cenozóica da Península Antártica e Patagônia Chilena, abordando os Pteridofloras Cretáceo e Paleógeno das altas latitudes meridionais. Também tem experiência na área de coleções paleontológicas no Museu de História da Vida na Terra (Lavigeae) e atualmente no Laboratório de Paleobiologia do INACH.

 

SERVIÇO – PROGRAMAÇÃO ON-LINE – CINEMA
Mini Cine | Ciclo de curtas-metragens independentes
Live de apresentação dos filmes selecionados com Manu Fetter e Cristine Trevisan
Dia 26 de março, sexta-feira, às 19h, no Instagram do Instituto Ling (@instituto.ling)
Para acessar os filmes, é necessário fazer inscrição gratuita no site www.institutoling.org.br
Os curtas ficam disponíveis para visualização até o dia 8 de abril

 

Curtas selecionados

Pursuit (2019), um filme de Mike Olbiski
EUA | 7 min | Livre
Sinopse: O filme nos convida a atuar como espectador ativo, nessa experiência de se assistir a uma obra experimental. Mike Olbinski é um caçador de tempestade que encontrou narrativas e histórias no movimento das nuvens.

 

Elemental (2018), um filme de Armand Dijcks
EUA | 4 min | Livre
Sinopse: O fotógrafo Ray Collins captura a magia que acontece na interseção da água e da luz. Cada tomada neste filme foi criada a partir de uma única das fotos originais de Ray. As fotos são transformadas num híbrido entre foto e vídeo, em looping infinito que faz um único momento durar para sempre.

 

Earth (2012), um filme de Michael König
França | 5 min | Livre
Sinopse: Sequências de lapso de tempo de fotos tiradas pela tripulação de expedições 28 e 29, a bordo da Estação Espacial Internacional de agosto a outubro de 2011, a uma altitude de cerca de 350 km. Todos os créditos vão para eles.

 

Hope (2018), um filme de Max Cooper
França | 5 min | Livre
Sinopse: Hope é um poema visual sobre a viagem de um pensamento, com escala de transposição para o gigantesco cósmico. Tenta representar a complexidade do cérebro e o nascimento de um sentimento, pois uma partícula carregada viaja pelo neurônio e dá o poder de criar informações e emoções.

 

Symmetry (2011), um filme de Daniel Mercadante
EUA | 3 min | Livre
Sinopse: Um filme sobre o equilíbrio.

 

Crédito das fotos: Reprodução

Data e Horário do Evento
  • 26/03/2021 19:00 - 08/04/2021 19:00 Ended
Formulário de Contato